O Problema dos Componentes Falsificados

A 15 anos atrás quando comprávamos componentes eletrônicos a possibilidade de recebermos lotes falsificados era muito remota. Atualmente esta situação mudou. Passou a ser relativamente comum receber componentes falsificados, que não atendem as especificações dos fabricantes tradicionais e muitas vezes sequer funcionam. Esta situação e mais grave quando se compra direto das lojas que não fazem qualquer controle de qualidade do que recebem, ou seja a maioria delas. Uma alternativa é comprar de distribuidores com origem de componentes certificada. Mas infelizmente estes muitas vezes trabalham com lotes mínimos e normalmente são mais caros.

O problema afeta diretamente a todos que atuam com eletrônica e é bem grave. Como não se espera um desempenho fora das especificações para o componente, o que acontece na prática é acharmos que o problema está no projeto. Assim é comum gastar horas e horas tentando ajustar o projeto até concluirmos que o problema está realmente com o componente. Uma outra situação grave é quando temos um produto em linha totalmente estável e, ao mudar o lote de algum componente, simplesmente a qualidade “desanda”. Se o produto chegar ao cliente os prejuízos, financeiros e de imagem, são inevitáveis.

Nós do eletronPi já trabalhamos com projetos a muito tempo e vivenciamos estas duas fases: aquela onde podíamos confiar nos componentes e a atual, onde já não é mais possível confiar.

A falsificação afeta principalmente componentes mais simples mas com algum valor agregado, como transistores, circuitos integrados etc. Circuitos mais sofisticados, como microcontroladores, como são mais difíceis de fabricar, ainda são pouco afetados pelas falsificações, mas não estão imunes. A falsificação de memórias, por exemplo, acontece com frequência, principalmente com o surgimento dos pendrivers e popularização destes componentes.

A solução é relativamente simples: você que compra componentes com regularidade, passe a comprar de fontes confiáveis. Quando receber algum componente com problema, denuncie. Os lojistas devem comprar apenas de fontes confiáveis, mesmo que implique num pequeno aumento de preço. Deixe claro para seu cliente que só compra componentes certificados que certamente ele vai preferir comprar de você.

Recentemente compramos na Santa Ifigênia em São Paulo, 5 unidades do transistor MJE13007. Este transistor é do tipo NPN. As unidades recebidas eram PNP e uma delas sequer tinha os terminais ligados internamente à pastilha de silício. É muita cara de pau…..

mje13007false

Nós encaminhamos as unidades para o fabricante que teve seu produto falsificado e notificamos a loja onde os componentes foram comprados.

 

Uma ideia sobre “O Problema dos Componentes Falsificados

  1. Link

    Los rodamientos falsificados constituyen un problema de dimensiones crecientes en los ultimos anos, y nuestra recomendacion para protegerse de ventas fraudulentas es adquirir unicamente productos a traves de los canales de distribucion autorizados.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>